sobre nossa situação no Japão

Como dizem, os rumores são exagerados.

O terremoto foi uma tragédia sem precedentes para este país, mas agora é questão de tocar de novo em frente.

O oba oba sobre o meltdown em Fukushima é exagero. Claro que se houver realmente, a região será devastada mas a população já foi evacuada em um raio de 20Km da Usina. Porém a radioatividade não chegará a afetar o resto do país, muito menos a região onde moro (fica a 600Km da usina).
O que vai afetar é o racionamento de energia, mas esse é feito de modo diferente do Brasil.

Aqui há milhares de médias metalúrgicas, que consomem MUITA energia elétrica. O racionamento é feito colocando essas usinas para trabalhar em rodízio, folgando os dois dias por semana em dias alternados, i.e., algumas folgam segunda e terça, outras folgam quarta e quinta e assim por diante, sem mudar o ritmo de 5×2 dias de trabalho x folga.
Assim, o efeito para a população é reduzido

A apreensão maior agora é com possível falta de alimentos, o que pode causar problemas a médio prazo mesmo para residentes de outras regiões. Mas este não é um país em guerra, então a coisa não pode ficar tão feia assim.

Em resumo, estamos bem, com acesso à net, trabalhando normalmente. Apenas essa lentidão da internet no mundo inteiro que me deixa com a pulga atrás da orelha. Como está o seu acesso?

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.