Feiras noturnas em Curitiba

July 26th, 2018

Segue um calendário com endereços das feiras noturnas em Curitiba:

2a feira

SÍTIO CERCADO

R. DOS PIONEIROS, S/N
Esquina com R. Joaquim de Melo, em frente ao Terminal Sítio Cercado
Horário: das 16h às 21h.

3a feira

Batel

R. DR. ALEXANDRE GUTIERREZ, S/N
Entre a Av. Silva Jardim e a Av. Iguaçu
Horário: das 17h às 22h.

JUVEVÊ

“>AV. ANITA GARIBALDI, S/N
Entre a R. Campo Sales e a Av. João Gualberto
Horário: das 17h às 22h.

NOVO MUNDO

R. ROSALINO MAZZIOTTI, S/N
Entre a R. Eduardo Carlos Pereira e a R. Dr. José Palú
Horário: das 16h às 20h.

SANTA FELICIDADE

R. VIA VÊNETO, S/N
Horário: das 17h às 22h.

>VILA IZABEL

R. DR. ARY FLORÊNCIO GUIMARÃES, S/N
>Entre a R. Bororós e a R. Guaianazes, ao lado da Pç. Abibe Isfer
Horário: das 16h às 21h.

4a feira

Alto da Glória

R. IVO LEÃO, S/N
Horário: das 17h às 22h.

Bacacheri

R. HELENA DE OLIVEIRA CUNHA, S/N
Horário: das 17h às 22h.

HUGO LANGE

R. PRES. RODRIGO OTÁVIO, S/N
Entre a R. Augusto Stresser e a R. Dep. Carneiro Campos
Horário: das 17h às 22h.

XAXIM

R. CASCAVEL, S/N
Entre a R. Cel. Luiz José dos Santos e a R. Clara Tedesco
Horário: das 17h às 22h.

5a feira

Água Verde

R. PROF. BRAZÍLIO OVÍDIO DA COSTA, S/N
Entre a R. Guararapes e a Av. República Argentina
Horário: das 17h às 22h.

PORTÃO

R. PROF. EURO BRANDÃO, S/N
Dentro da Pç. Des. Armando Carneiro, ao lado do Terminal Portão
Horário: das 16h às 21h.

SÃO FRANCISCO

R. KELLERS, S/N
Entre a Al. Dr. Muricy e a R. do Rosário, ao lado da Pç. Garibaldi
Horário: das 17h às 22h.

6a feira

CHAMPAGNAT

>AV. CÂNDIDO HARTMANN, S/N
Entre a R. Pe. Agostinho e a R. Pe. Anchieta, ao lado da Pç. da Ucrânia>
Horário: das 17h às 22h.

Sábado
Domingo

 

Alguns vídeos intreressantes

May 26th, 2018

Some interesting talks:

Membros biônicos

May 26th, 2018

A humanidade tem alguma salvação com pessoas como esse professor dentro:

Geek quotes

May 19th, 2018
  • Unix is User friendly. It is just picky about who its friends are.
  • Programmer: A tool for converting caffeine into code.

Como ser promovido a um papel de liderança: 4 habilidades chave

April 10th, 2018

Traduzido por mim do artigo em https://www.techrepublic.com/article/how-to-get-promoted-to-a-leadership-role-4-key-skillsets-to-master/

A maioria dos profissionais está familiarizada com o Princípio de Peter – a ideia de que as empresas promovem os funcionários com base em seu desempenho em seu cargo atual, e não em sua capacidade de ter sucesso no novo papel.

Os funcionários então deixam de ser promovidos, uma vez que não conseguem mais ter um bom desempenho, e “os gerentes chegam ao nível de sua incompetência”, como afirma o princípio.

“Nós promovemos pessoas que são ótimas em seu nível atual, em vez daquelas que serão ótimas no próximo nível – pessoas que são boas colaboradoras e não necessariamente bons líderes”, diz Scott Drake, vice-presidente de tecnologia da ScholarRx e curador da LearnLeadership. org, em uma sessão na conferência 2018 Code PaLOUsa em Louisville, KY. “E uma vez que uma pessoa está em uma posição em que não é competente, ela não é boa o suficiente para subir, então eles ficam presos”.

Líderes que microgerenciam, ou aqueles que preferem fazer o trabalho sozinhos, às vezes são grandes contribuintes que nunca aprenderam como liderar.

A maneira como as organizações escolhem e desenvolvem líderes está quebrada há muito tempo.

Quando alguém é promovido, muitas vezes tenta estudar como administrar, mas estuda as coisas erradas.

Drake identificou 28 conjuntos de habilidades necessárias para subir nas classificações de qualquer organização, e os dividiu em quatro diferentes níveis de liderança para ajudá-lo a mapear o que você precisa para se tornar um líder forte.

Lidere a si mesmo

Liderar-se significa liderar pelo exemplo e se tornar um modelo para os outros.

Aqui estão as habilidades que você precisa para dominar este nível:

  • Aprenda a aprender. A capacidade de adquirir habilidades e conhecimentos é fundamental para sobreviver em um ambiente de trabalho moderno. Existem muitos atalhos para aprender que você pode encontrar, incluindo aprender como estudar e como selecionar os tópicos certos.
  • Solucionar problemas. Quando você pergunta a um tecnólogo o que eles querem em um colega de equipe, a resposta principal é um bom solucionador de problemas. À medida que você sobe na liderança, os problemas mudam e se intensificam, mas você ainda precisa ser um solucionador de problemas.
  • Tomar decisões. Aprenda sobre as decisões que os tecnólogos precisam tomar, incluindo qual tecnologia utilizar e com que frequência verificar os sistemas.
  • Agir em time. Como tecnólogos, nossas habilidades pessoais muitas vezes seguem nossas habilidades técnicas. Mas nós construímos ferramentas para as pessoas, trabalhamos com as pessoas e lideramos as pessoas. Precisamos ser jogadores de equipe, bons comunicadores e bons negociadores.”
  • Gerenciar informações. Pessoas em tecnologia são constantemente bombardeadas com informações de diferentes fontes, seja por e-mails, solicitações de recursos, bugs ou solicitações de reunião. Líderes aprendem a evitar que as coisas importantes caiam através das rachaduras.
  • Gerenciamento de tempo. Empregos em tecnologia muitas vezes encorajam você a fazer mais trabalho do que é possível. É essencial administrar o tempo com sabedoria para não se esgotar ou perder o equilíbrio entre trabalho e vida pessoal.
  • Promova-se. Se você quiser se destacar, precisa aprender a se promover, em termos de reconhecer quem você é e o que faz e construir uma história em torno disso.
    Drake se apresentou como “um experiente construtor de equipes interessado em resolver grandes problemas na educação”, que é uma história que o tornou atraente para os trabalhos específicos que ele estava procurando.

Liderar uma equipe

Esta é a transição mais difícil para a maioria dos profissionais, já que muitas pessoas líderes de equipes não são líderes formais, mas são líderes e colaboradores, e precisam mudar entre essas formas de pensar.

Os líderes de equipe também precisam aprender como delegar trabalho a outras pessoas sem o microgerenciamento e como definir limites com uma equipe.

As habilidades necessárias neste nível são:

  1. Comunicar a visão e estabelecer limites. O primeiro trabalho do líder é garantir que todos na equipe saibam para onde você está indo”.
    Todos precisam ter uma definição clara de sucesso para tomar as melhores decisões.
  2. Motivação, propósito e cultura. Sua organização tem uma visão de como quer mudar o mundo.
    Uma equipe motivada e engajada é fundamental para que essa visão ganhe vida”.
  3. Delegar. É aqui que muitos novos líderes erram. Você precisa aprender como delegar problemas à sua equipe, em vez de soluções, e dividir grandes blocos de trabalho em pequenas tarefas para a equipe concluir ao longo do tempo.
  4. Coaching. Isso envolve aprender como ajudar os colegas de equipe a resolver seus próprios problemas sem fazer isso por eles e fornecer feedback corretivo sem matar a motivação.
  5. Liderar reuniões. Os líderes de equipe precisam comparecer às reuniões com uma agenda que esclareça a visão da equipe e os próximos passos.
  6. Gerenciando projetos. Os projetos são a estrutura organizadora da maioria dos trabalhos na função de tecnologia.
    Um bom gerente entenderá os diferentes tipos de gerenciamento de projetos e os que melhor se adaptam à sua equipe.
  7. Contratar bem. A contratação é um problema básico em muitas organizações, e decisões ruins podem levar a alta rotatividade e baixa moral.

Liderar um departamento

Quando se trata de liderar um departamento, o conhecimento técnico ainda é útil, mas a estratégia começa a se tornar mais importante.

Um líder de departamento deve pensar acima da tecnologia e colocar suas habilidades de solução de problemas para trabalhar em questões de alto nível na organização.

Aqui estão as habilidades necessárias para dominar esse tipo de liderança:

  1. Estratégia de execução. Sua organização tem uma visão de como ela quer mudar o mundo. Você precisa descobrir qual o papel que seu departamento desempenha nessa visão e como você pode desmembrar essa meta de longo prazo em projetos e marcos executáveis ​​para sua equipe.
  2. Negociação. Ajudar os funcionários a resolver disputas e chegar a acordos é o trabalho dos líderes de departamento.2
  3. Gerenciar produtos. O gerenciamento de produtos é uma disciplina ampla que inclui descoberta de clientes, visão de produtos e criação, marketing e suporte. Ele geralmente abrange várias versões ao longo de vários anos.
  4. Planejamento de recursos.Isso envolve determinar que pessoas, equipamentos, instalações e ajuda externa são necessários para ajudar sua organização a alcançar sua visão.
  5. Desenvolvimento de pessoal.Sua organização vai mudar com o tempo, e sua equipe precisará mudar também. O crescimento e o desenvolvimento são grandes motivadores para os funcionários e precisam ser aproveitados para retenção.
  6. Orçamento. Os gerentes precisam fazer concessões nas iniciativas que buscam, nas características que incluem em um produto e na qualidade pela qual lutam. Orçamento permite alocar capital em papel para tomar melhores decisões.
  7. Mudar a gestão. A mudança é difícil, e muitas pessoas e organizações lutam contra isso mesmo quando isso pode beneficiá-los, então um líder deve ajudar em tempos de transição.

Liderar uma organização

No nível de presidência, o conhecimento técnico é muito menos importante do que as habilidades estratégicas. No entanto, “se você acha que construir soluções tecnológicas é divertido, você pode gostar de construir organizações”, acrescentou.
“O trabalho é altamente estratégico, o que pode ser uma excelente opção para os tecnólogos. O desafio é que isso requer habilidades excepcionais.”

Aqui estão as habilidades que os líderes da organização precisam para ter sucesso:

  1. Estratégia de visão. Os líderes da organização são os campeões de uma causa. Eles devem desenvolver uma visão clara de como melhorar a vida de seus clientes e comunicá-lo de maneira a estimular aqueles que podem dar vida a ele.
  2. Liderança interdisciplinar À medida que você sobe na hierarquia, provavelmente ganhará algum conhecimento de domínio e entenderá como certas equipes e funcionários trabalham. O desafio é liderar pessoas em departamentos onde você não tem experiência em primeira mão com seus desafios únicos.
  3. Desenvolvimento de negócios, marketing e vendas. Isso envolve muito mais facetas do que um gerente organizacional tem tempo para, e exige que você determine onde você pode criar uma vantagem competitiva para sua empresa.
  4. Operações e execução. Isso envolve determinar como a organização cria seus produtos ou serviços e como ela pode se diferenciar no mercado.
  5. Relacionamentos e parcerias. “Nenhuma pessoa ou organização pode fazer tudo bem”. “Bons relacionamentos e capital social ajudam a encontrar e reter funcionários, clientes, fornecedores, parceiros e co-defensores da causa.”
  6. Finanças. Os gerentes devem aprender quais recursos de capital são necessários para iniciar ou fazer crescer a organização, como o dinheiro flui através da organização e as medidas críticas de saúde financeira que devem ser rastreadas.
  7. Leis e governança. Todas as organizações existem em um mundo de regras e leis, o que pode, alternativamente, ser um obstáculo e criar oportunidades. Um gerente precisa ter um forte entendimento das leis em sua localização e setor.